Mas afinal, por que torcemos?

mas-afinal-por-que-torcemos

Incrível! Algumas pessoas choram por um time, outras ficam extremamente felizes, tem aqueles que brigam, e até se matam por uma discussão de qual é o melhor.  Mas, porque será que o ser humano gosta de torcer por um time mesmo que não ganhe e nem perca nada ao final da competição? Como será que se inicia esta decisão de “time do coração”?

Sem juízo de valor, gostaria de deixar claro que, respeito a motivação de cada um, pois sei que isto varia de acordo com aquilo que o traz prazer.

Por não ser um torcedor fanático, e nem ter interesse algum por esporte (não torço, e pratico na mesma proporção), fiquei intrigado com esta indagação. Qual a motivação para uma pessoa dedicar sua vida torcendo para um clube? Pintar a sua casa na cor do emblema da sua equipe favorita? Apostar dinheiro em uma competição que não tem como saber o final? E até mesmo gastar uma fortuna com viagens para assistir a um jogo que não lhe trará (aparentemente) vantagem alguma? Qual a explicação para as disputas entre times adversários e as intrigas entre torcidas seduzem tanto as pessoas?

 

torcida

 

Voltando um pouco na história, para compreender o início das competições olímpicas, relembramos que, até então existiam gladiadores que lutavam por seu povo, e acabavam perdendo suas vidas para tentar defender uma causa. Os jogos olímpicos nasceram na Grécia, com a intenção de substituir as lutas diretas. Os “lutadores” se preparavam em diversas modalidades, e começavam a disputar através daquela prática (arremesso de objetos, corridas, levantamento de peso, entre outras). Cada um representava seu povo ou sua causa, e o vencedor da competição, além de sobreviver, levava a vitória para toda uma “torcida”.

Para ganhar notoriedade, aliaram as competições aos rituais religiosos de adoração aos deuses gregos e com isso, a população passou a aderir ainda mais a estes rituais e a se dedicarem cada vez mais pela prática de esportes, considerado respeito aos deuses. O atletismo e a exibição do físico passaram a ser atos de adoração. Naquela época, sob o olhar de Zeus, todo o povo ficaria em paz durante os jogos olímpicos, pois era momento de adoração e reverência.

 

olimpiadas-antigas

 

A partir deste breve e superficial resgate histórico, podemos considerar que, atualmente, os times representam mais do que somente um grupo de pessoas unidas para vencer uma competição. Eles representam toda uma população. Muitas vezes uma equipe ou apenas um competidor, representa uma cidade, um estado, uma nação.

 

ouro-brasil

 

Assim fica mais fácil compreender que torcer é uma forma de respeitar aquele local representado. Psicologicamente isso gera prazer, pois há em nós um instinto de competição, que nos faz sentir muito orgulho quando vencemos ‘’juntos” e, consequentemente, muita vergonha, decepção e tristeza quando perdemos. Desta forma, qualquer um de nós gastaríamos o que fosse preciso para se sentir campeão e vitorioso, já que nosso esforço não seria necessariamente na competição, mas sim na torcida.

Infelizmente algumas pessoas acabam invertendo as coisas, e retomam a prática dos gladiadores, se violentando e até se matando na torcida, por não compreender a necessidade do respeito e da solidariedade que devemos ter aos adversários. Mas isso, já é um outro assunto!

Compartilhe esse post:

Luiz Rigo

Formado em Psicologia e pós-graduado em Neuropedagogia. Vivo cada desafio de foma unica, inclusive o de Não Empreender.

More Posts - Website